Poema sobre a Ação

De Criança…???????????????????????????????

Eu sou como o destino,

Estou na palma da mão…

Serenidade ou desatino,

Bem consciente ou não.

Sou advogado ou promotor

Que defende ou condena,

A fé é meu motor,

A consciência, minha antena.

Escrevo palavras no mundo

E as gravo para sempre…

Vivo saudável ou moribundo

Isto depende da mente.

A esperança me abastece

O tempo me corrige…

A experiência fortalece

A vida – no trabalho que exige.

Assim, sou a ação:

Ponderada – sou poder,

Impensada – sou reação,

Registrada – sou o ser.

Quando criança – aprendi:

Que aprender é vir a ser…

Quando fazendo entendi,

Que o ser aprendendo – é viver.

 

Sou a ação,

Prazer em conviver!

Este trabalho foi escrito para o “PRÊMIO INTERNACIONAL DE POESIA PALAVRA IBÉRICA 2008” com o título da obra “PÁSSARO AZUL”, sob o pseudônimo: Mathilda Mirra.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s